x
x
x
IN Sec. Faz. - AP 7/12 - IN - Instrução Normativa SECRETÁRIO DE ESTADO DA FAZENDA - AP nº 7 de 24.08.2012

DOE-AP: 10.09.2012

Dispõe sobre o parcelamento de débitos fiscais relativos ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores - IPVA em até 10 (dez) parcelas mensais e sucessivas.


A SECRETÁRIA DA RECEITA ESTADUAL DO AMAPÁ, no uso de suas atribuições legais, e,

Considerando o disposto no § 3º do artigo 106, da Lei nº 0400, de 22 de dezembro de 1997, Código Tributário Estadual, que autoriza o parcelamento do IPVA de exercícios anteriores.

RESOLVE:

Art. 1º Os créditos tributários relativos ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores - IPVA correspondentes a fatos geradores ocorridos até dezembro do exercício anterior, inclusive os inscritos em dívida ativa, ajuizados ou não, poderão ser parcelados em até 10 (dez) parcelas mensais e sucessivas.

§ 1º. O crédito tributário compreenderá o montante do imposto e dos acréscimos legais, de conformidade com a legislação pertinente, calculados até a data da concessão do parcelamento.

§ 2º. O parcelamento de que trata o caput será concedido uma única vez.

§ 3º. O valor mínimo de cada parcela não poderá ser inferior a R$ 50,00 (cinquenta reais);

§ 4º. Todo pagamento referente ao parcelamento, deverá ser efetuado através do Documento de Arrecadação - DAR - modelo 4, emitido eletronicamente e recolhido nas instituições financeiras credenciadas.

Art. 2º O pedido de parcelamento deverá ser formalizado pelo proprietário do veículo automotor ou seu representante legal e protocolado na Agência da Receita Estadual do município em que o veículo estiver registrado, devendo ser instruído com originais e cópias dos seguintes documentos:

I - Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV);

II - Carteira de Identidade;

III - CPF;

IV - Comprovante de residência (contas de água ou luz):

V - Procuração, caso não seja o proprietário;

Parágrafo único. Formalizado e aceito o pedido, o proprietário do veículo deverá efetuar os recolhimentos mensais, no mesmo dia dos meses subsequente em que foi deferido o pedido.

Art. 3º O atraso no pagamento de 02 (duas) parcelas sucessivas implicará inscrição em Dívida Ativa do saldo devedor com os acréscimos legais pertinentes.

Art. 4º A transferência de propriedade do veículo automotor com pedido de parcelamento em curso, só poderá ser formalizada com a quitação total do débito.

Art. 5º Esta Instrução Normativa entra em vigor na data da sua ( continua ... )

Clique e Leia a íntegra deste documento.


Assine aqui Acesso gratuito por 7 dias


Busca Avançada
Área:
  • Todas
  • Federal
  • Trab/Prev

Ajuda: como pesquiso frases ou expressões?