x
x
x
Dec. Mun. Porto Seguro/BA 6.774/14 - Dec. - Decreto do Município de Porto Seguro/BA nº 6.774 de 16.12.2014

DOM-Porto Seguro: 19.12.2014

Estabelece o Calendário Fiscal de Arrecadação dos Tributos Municipais para o exercício financeiro de 2015.


A Prefeita do Município de Porto Seguro, Estado da Bahia, no exercido de suas atribuições, fundamentado no inciso IV, do art. 58, da Lei Orgânica Municipal. e no art. 48, da Lei Municipal nº 923/2010, de 17 de dezembro de 2010 que institui o Código Tributário e de Rendas do Município de Porto Seguro; Considerando o atendimento aos Princípios de Publicidade, Moralidade, Legalidade e Eficiência que norteiam os Atos dessa gestão;

Decreta:

Art. 1º A arrecadação dos tributos municipais para o exercício de 2015 será procedida nas condições e prazos estipulados neste Decreto.

Art. 2º Os créditos da Fazenda Municipal não pagos até a data assinalada para o seu vencimento serão acrescidos de juros e multa de mora, nos termos dos arts. 52 e 96 da Lei Municipal nº 925, de 17 de dezembro de 2010.

CAPÍTULO I
DO IMPOSTO SOBRE A PROPRIEDADE PREDIAL E TERRITORIAL URBANA (IPTU)

Art. 3º O Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e a Taxa de Coleta, Remoção e destinação de Resíduos Sólidos Domiciliares (TRSD), referentes à carga geral do exercício de 2015 terão, no dia 27 (vinte e sete) de fevereiro daquele ano, o vencimento dos seus prazos para pagamento e serão arrecadados:

I - em parcela única, com desconto de 15% (quinze por cento), com prazo para pagamento até 27 de fevereiro de 2015;

II - parcelados em até 03 (três) parcelas mensais e consecutivas, sem ônus, observado o disposto nos arts. 172 e 173 da Lei Municipal nº 925, de 17 de dezembro de, 2010 e alterações posteriores, com prazos para pagamento conforme a seguinte tabela, a partir do mês de fevereiro de 2015:

( continua ... )

Clique e Leia a íntegra deste documento.


Assine aqui Acesso gratuito por 7 dias


Busca Avançada
Área:
  • Todas
  • Federal
  • Trab/Prev

Ajuda: como pesquiso frases ou expressões?