x
x
x
Dec. Mun. Rio de Janeiro/RJ 25.191/05 - Dec. - Decreto do Município do Rio de Janeiro/RJ nº 25.191 de 30.03.2005

DOM-Rio de Janeiro: 31.03.2005

Cria, no âmbito da Secretaria Municipal de Fazenda, o procedimento de reconhecimento de isenção de ITBI por grupo de imóveis.


O Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro, no uso de suas atribuições legais, tendo em vista o que consta do Ofício F/CET nº 052/2004, de 22 de outubro de 2004, da Coordenadoria de Consultas e Estudos Tributários da Secretaria Municipal de Fazenda,

Considerando que algumas hipóteses de isenção do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis e de Direitos a Eles Relativos, Realizadas Inter vivos, por Ato Oneroso (ITBI) têm como requisitos situações que se repetem, independentemente da qualidade do adquirente do imóvel;

Considerando que essa situação é verificada constantemente nos procedimentos que envolvem imóveis situados em conjuntos habitacionais, reassentamentos e grupos residenciais, em razão dos benefícios previstos no inciso XII do art. 7º da Lei nº 1.364, de 19 de dezembro de 1988, com redação dada pela Lei nº 1.936, de 30 de dezembro de 1992, e do inciso I do parágrafo único do art. 8º da Lei nº 2.277, de 28 de dezembro de 1994, com redação dada pela Lei nº 3.335, de 18 de dezembro de 2001;

Considerando que a Administração deve buscar soluções que visem a atender ao princípio da eficiência;

Considerando que o tratamento por grupo de imóveis em procedimento único vai evitar a apresentação de documentos que são comuns a todas as unidades pertencentes a conjuntos habitacionais, reassentamentos e grupos residenciais; e

Considerando que a nova rotina vai facilitar a obtenção do título declaratório do benefício pelo contribuinte,

DECRETA :

Art. 1º Fica criado o procedimento de reconhecimento de isenção do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis e de Direitos a Eles Relativos, Realizadas Inter vivos, por Ato Oneroso (ITBI) por grupo de imóveis, que se destinará às hipóteses de concessão do benefício a unidades pertencentes a conjuntos habitacionais, reassentamentos e grupos residenciais cuja semelhança de situações recomende o tratamento em conjunto.

Art. 2º Normas complementares da Secretaria Municipal de Fazenda regularão o presente Decreto, instaurando os mecanismos adequados para a implantação e o controle do procedimento a que se refere o art. 1º.

Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação ( continua ... )

Clique e Leia a íntegra deste documento.


Assine aqui Acesso gratuito por 7 dias


Busca Avançada
Área:
  • Todas
  • Federal
  • Trab/Prev

Ajuda: como pesquiso frases ou expressões?